Como se preparar para a Copinha?

Fala, apostador. Beleza? A Copa São Paulo de Futebol Júnior, a famosa Copinha, chega para sua 50ª edição em 2019, disputada por 128 equipes, de diversos locais do país, desde as mais famosas até as mais desconhecidas.

Neste ano, o Quero Apostar fará uma cobertura completa competição, desde artigos até as tradicionais picks do torneio.

Copinha 2019

O artigo da vez aborda como se preparar para a Copinha, listando princípios básicos para se organizar para a competição.

Vamos lá!

Tenha bank em diversas casas de apostas

A Copinha é um torneio que cresce a cada ano, por isso mais e mais casas de apostas estão decididas a entrar neste mercado, ainda mais se elas se preocupam com o mercado brasileiro.

A Bet365 continua sendo a principal casa de apostas da Copinha por ser a primeira que abre as odds, logo, a que mais nos dá oportunidades de lucros nas aberturas.

No entanto, hoje temos casas que conseguem ser no mínimo competitivas com a concorrente mais forte.

A TempoBet chegou ao mercado brasileiro com força há alguns meses, ou seja, não conhecemos a postura desta casa na Copinha, mas pelo que conversei com outros especialistas, a previsão é de abertura bacana dos jogos, não tão atrás da Bet365.

Outra casa que promete ter vasto menu de jogos é a 188bet, mas sempre após a abertura dos mercados asiáticos. Assim, o principal quesito da casa são os limites mais altos, porém com as odds mais justas em relação a Bet365.

Por fim, a 1xbet também oferece menu vasto de jogos nas competições brasileiras, o que nos dá a impressão de ser mais uma opção boa para ter bank durante a Copinha.

Disponibilidade de horários

Não adianta, se você quer lucrar de verdade na Copinha não poderá estar dormindo quando as aberturas saírem. O mercado é avassalador, abre e já vê suas odds caírem em questão de minutos (ou até segundos).

Acordar cedo para Copinha

Para complicar, a Bet365 abriu odds da Copinha de 2018 quase sempre na madrugada, entre 01h e 08h, o que torna a missão ainda mais difícil para nós apostadores.

As horas de sono tendem a ser mais duradouras conforme a competição avança, tendo em vista que as melhores oportunidades estão na primeira e segunda fase da Copinha. Após isso, as oportunidades ficam mais escassas, mas ainda boas.

Ter uma boa gestão de unidades na Copinha

Cada rodada da primeira fase da Copinha conta com 64 jogos, o que significa que teremos essa porrada de jogos em apenas três dias. Ou seja, gerir seu bank é fundamental para conseguir realizar todas as entradas sem maiores problemas.

Recomendo aos meus clientes que usem 1% do bank para cada unidade investida, mas quem é mais conservador, pode optar até mesmo em entrar com 0.5% a cada unidade.

O importante aqui é reservar, no mínimo, 100 unidades para trabalhar na competição, de forma que seu bank esteja apto para receber tantas apostas ao mesmo tempo.

Investir em um serviço de picks de qualidade

Como a maioria dos apostadores não reúnem experiência e conhecimento necessário para trabalhar em uma competição ampla como esta, recomendo a assinatura de um serviço de picks de qualidade, validado pela comunidade apostadora e que seja conhecido.

Coloco aqui, inclusive, meus números no serviço de picks do Quero Apostar, onde registro todos os meses em green desde fevereiro de 2017, trabalhando com divisões inferiores e categorias de base do Brasil.

Na Copinha de 2018, meu desempenho atingiu +19 unidades, com crescimento de 19% da banca, ao passo que recomendo 1% do bank a cada unidade recomendada.

Para me acompanhar na Copinha de forma integral, basta adquirir o Grupo de Picks do Quero Apostar clicando aqui.

Registre-se na Rivalo e dobre seu depósito até R$ 777:

Comentários estão fechados.