Kansas City Chiefs x Tampa Bay Bucaneers

NFL – Super Bowl – 07/02 às 20h30

Pelo Super Bowl LV teremos o duelo entre Patrick Mahomes e Tom Brady, possivelmente um dos maiores confrontos entre diferentes gerações de Quarterbacks que já ocorreu em um Super Bowl. Tom Brady é, indiscutivelmente, o maior jogador de todos os tempos e Patrick Mahomes aparece como um dos favoritos para chegar perto dos feitos da carreira de Brady.

Em 2020, os dois QBs comandaram os 2 melhores ataques aéreos, em jardas conquistadas, da NFL. Na temporada regular, o Chiefs teve uma média de 303,4 jardas aéreas por jogo e o Buccaneers 289,1. Mahomes e Brady são as grandes atrações dessa partida, mas acredito que o jogo será decidido muito mais pela maneira que o Buccaneers atacará o Mahomes do que pela maneira que o Chiefs atacará o Tom Brady.

Um dos modos de segurar Patrick Mahomes é mantê-lo fora de campo. Quanto mais tempo o ataque do Buccaneers estiver em campo, com Patrick Mahomes sentado no banco, mais chance o Buccaneers tem de vencer a partida.

Campanhas longas que resultam em touchdowns são fundamentais para o time de Tampa Bay. Por esse motivo, acredito que o Bucs abusará das jogadas corridas. O time vai precisar, inclusive, ser ousado em algumas jogadas de jogo terrestre. Acho bem interessante a aposta que o WR Scott Miller terá +0,5 jardas corridas na partida. Essa odd está em 5,50 então sugiro apostarem 0,5 unidades.

Miller é um dos recebedores mais rápidos da NFL e vimos isso no duelo contra o Packers. Ainda que tenha sido pouco utilizado nesse tipo de jogada, apenas 4 vezes em 19 jogos, o WR pode ser uma arma interessante também no jogo terrestre do Buccaneers. Leonard Fournette e Ronald Jones vão ter a maioria das carregadas, mas consigo ver uma jogada em que Miller estará alinhado para receber o passe e fará a movimentação para correr com a bola.

A outra maneira de segurar Patrick Mahomes é conseguir pressioná-lo com 4 jogadores do front seven da defesa do Buccaneers. Ndamukong Suh, Vita Vea, William Gholston e Jason Pierre-Paul foram muito bem na final de conferência contra o Packers: 5 sacks em cima de Aaron Rodgers. Possivelmente esse quarteto também terá sucesso contra o Chiefs e o motivo é bem parecido com o da final da conferência.

Assim como a linha ofensiva do Packers estava desfalcada há duas semanas, a do Chiefs também estará no Super Bowl. Dos 5 jogadores da OL do Chiefs que venceram o Super Bowl ano passado, 3 estão fora da temporada e 1 está jogando improvisado em outra posição. Apenas o Center Austin Reiter estará em sua posição original.

Tenho a impressão de que jogo começará com o freio de mão puxado. O ataque do Buccaneers passará a primeira metade correndo muito com a bola e o ataque do Chiefs se adaptará ao longo da partida às diversas pressões que a defesa do Buccaneers causará. No início do jogo, acho que Mahomes irá sofrer de uma maneira similar ao que aconteceu no Super Bowl passado, jogo em que o ataque do Chiefs só engrenou no último quarto.

Espera-se, no entanto, que o jogo tenha muitos pontos. Hoje, a linha está em 56,5 pontos totais na partida. Na minha leitura de que o 1º tempo será mais travado e, como o mercado de apostas de pontos na 2ª metade está fechado, escolho como aposta principal para esse jogo +14,5 pontos marcados no último quarto a 2,00.

O ataque do Buccaneers é o 2º que mais pontuou na segunda metade e o do Chiefs é o 6º. Ainda que a defesa do Buccaneers esteja entre as melhores no segundo tempo, acredito que os treinadores do Chiefs, Andy Reid e Eric Bieniemy, se adaptarão muito bem nos 24 minutos de intervalo (por conta do show do The Weeknd) para o time produzir ofensivamente.

Não quero deixar de escolher um vencedor para essa partida e confesso que é difícil apostar contra Tom Brady em um Super Bowl, mas acho que o Chiefs levará a melhor. E faço essa escolha não só pelos talentos em campo, mas também pelas comissões técnicas. Acredito que o trio de Treinador, Coordenador Ofensivo e Coordenador Defensivo do Chiefs seja melhor que o trio do Buccaneers. Meu palpite é Chiefs -3,0 a 1,83.

Lesionados e Desfalques: 

É importante acompanhar casos de COVID que podem surgir. 

Chiefs:
Fora: Eric Fisher, LT;

Não treinou: -;

Treinou com limitações: Sammy Watkins, WR; Le’Veon Bell, RB;

Eric Fisher é o principal desfalque do Chiefs para o Super Bowl. O LT rompeu seu tendão de Aquiles na final de conferência contra o Bills e desfalcará a já comprometida linha ofensiva do Chiefs. Sammy Watkins, com lesão na panturrilha e Le’Veon Bell, com lesão no joelho estão sendo poupados dos treinos, mas deverão jogar.

Buccaneers:

Fora: -;

Não treinou: Jason Pierre-Paul, LB;

Treinou com limitações: Antonio Brown, WR; Jordan Whitehead, S; Lavonte David, LB; Antoine Winfield Jr, S;

Antoine Winfield, Antonio Brown e Ronald Jones não jogaram contra o Packers, mas estarão em campo no Super Bowl. Jason Pierre-Paul e Lavonte David são peças muito importantes para a defesa do Bucs e certamente estarão em campo criando pressão em cima de Patrick Mahomes.

Apostas Principais:

+14,5 pontos no 4º Quarto a 2,00;

Chiefs -3,0 a 1,83;

Aposta Secundária:

Scott Miller + 0,5 jardas corridas a 5,50 (0,5u);


Aposta Odds Unidades Casa de Aposta Status
Kansas City Chiefs -3 AH 1.83 2

Comentários estão fechados.